segunda-feira, 27 de julho de 2009

GANTZ

Aí, cambada! Os fatos citados a seguir contém SPOILERS! Se você não quiser perder a surpresa do que vai rolar a seguir, PARE DE LER IMEDIATAMENTE!! Caso contrário, aproveite.
Gantz é uma série de mangá escrita por Hiroya Oku, e serializada na revista Young Jump. A arte do mangá é feita a partir de cenários em computação gráfica, mesclados a personagens desenhados manualmente. Recebeu uma adaptação para animê de 13 episódios pelo estúdio GONZO, e uma sequência direta, intitulada Gantz Second Stage, também de 13 episódios, exibidos pela Fuji Television.
No Brasil, o anime foi exibido pelo canal pago Animax (atual Sony Spin) em 2006, e o mangá é publicado pela Panini Comics desde 2007.
Gantz conta a história do adolescente de 17 anos, Kei Kurono que morre atropelado pelo metrô junto de um amigo, Masaru Katou. Após isso os dois são transportados para uma sala para participar de um jogo sanguinário, violento e competitivo, comandado por uma "esfera negra" chamada Gantz.
Apesar da série de animê possuir um fim, a série de mangá continua, sendo publicada até hoje.


ÍNDICE

1 - ENREDO
2 - A ESFERA NEGRA
3 - REGRAS DO JOGO
4 - GRUPOS
4.1 - ALIENÍGENAS
4.2 - CAÇADORES
4.3 - VAMPIROS
5- MISSÕES E OUTROS ACONTECIMENTOS
5.1 - MISSÃO DO ALIEN CEBOLA (NEGI-SEIJIN)
5.2 - MISSÃO DOS ALIENS PÁSSAROS (TANAKAS-SEIJINS)
5.3 - MISSÃO DO TEMPLO BUDISTA
5.4 - MATAR KURONO (SÓ NO ANIMÊ)
5.5 - MISSÃO DOS ALIENS BAIXINHOS (CHIBI-SEIJINS) (DESSA MISSÃO EM DIANTE, SÓ NO MANGÁ).
5.6 - MISSÃO DO ALIEN CAIPIRA (KAPPE-SEIJIN) (MISSÃO DOS DINOSSAUROS)
5.7 - MISSÃO DOS ALIENS ANEL (YUBIWA-SEIJINS)
5.8 - MATAR TAE KOJIMA
5.9 - MISSÃO DOS ALIENS ONI (ONI-SEIJINS)
5.10 - MISSÃO DO NURARIHYON (TAMBÉM CONHECIDA COMO “MISSÃO OSAKA”)
5.11 - MISSÃO DOS ALIENS NA ITÁLIA
5.12 - REVELAÇÕES SOBRE GANTZ
5.13 - KATASTROPHE
6 - EQUIPAMENTOS
6.1 - ARMAS
7 - PERSONAGENS



ENREDO:
Kurono Kei é um jovem individualista, inseguro e pervertido. Sempre odiou a tudo e a todos. Um dia encontra no metrô um antigo conhecido seu, que não vê desde quando era uma criança, Katou Masaru. De início tenta evitá-lo, mas vê um mendigo bêbado caindo nos trilhos. Katou e Kurono tentam salvá-lo, só que acabam morrendo atropelados. Eles se espantam ao ver que foram levados até uma sala, juntos com outras pessoas. No meio dela está uma esfera negra, Gantz. Ela toca uma música e passa uma missão: matar Alienígenas. Mostra o arsenal de armas e o uniforme de cada. A missão deles é sobreviver ao jogo e matar os aliens indicados dentro do tempo estipulado. A história se desenvolve de modo surpreendente, inesperado. O crescimento das personagens é algo marcante. Com a convivência da morte eles mudam seu modo de pensar. Quase todos têm traumas horríveis, porém com as lutas de Gantz eles aprendem a vencer as adversidades, ficando mais decididos e fortes. A trama vai mostrando os combates dos Caçadores contra a possível ameaça dos Alienígenas no mundo contemporâneo. A narrativa concentra-se nos acontecimentos antes e após as missões, mostrando como os Caçadores vivem seu cotidiano carregando esse fardo, mantendo seu segredo longe de qualquer um.

A ESFERA NEGRA:
Gantz é o nome da esfera negra do centro da sala. Dentro dela se encontra uma pessoa dormindo que nunca demonstrou nenhuma ação ou pensamento. Não se sabe de onde ela veio, ou porque ela faz o que faz. Quando alguém morre, ele transporta uma cópia da mesma para a sala. Automaticamente ela grava a pessoa no seu Banco de Dados. Quando tem todos os competidores, toca uma antiga e conhecida música japonesa, e diz a todos que estão mortos, e que a partir daquele momento, suas vidas pertenceriam a ele. Logo depois mostra um alienígena que os caçadores têm de matar, as informações básicas, abrindo para mostrar as roupas e o arsenal de armas. Ele começa a enviar as pessoas para a área desejada, num quadrante de um quilômetro, começando a contar o tempo geralmente de 1 hora. Ele observa as pessoas do quarto. Quando o tempo acaba, ele traz de volta os vivos para seu quarto, e reinicia a pontuação. Normalmente, ele gosta de passar as mensagens com linguagem Leet, comum na internet, apelidando os competidores, encorajando-os ou brincando com eles. Se a pessoa juntar 100 pontos, ela pode escolher um prêmio especial. Os propósitos de Gantz, bem como sua origem continuam um mistério total para todos.
Por alguma razão, Gantz comete erros. Nishi Joichirou mantinha um site contando todos os fatos de Gantz, os locais das batalhas e os nomes dos competidores. Gantz nunca demonstrou nenhum interesse em matá-lo por espalhar a verdade. Em outra missão enviou apenas Kurono Kei, sem recrutar mais ninguém. Quando Kishimoto Kei morre, ela é enviada para o quarto de Gantz, porém o verdadeiro corpo dela foi para o hospital e acabou salvo.
Durante a missão dos Aliens Oni, o Gantz começou a mostrar certos distúrbios por volta da última luta, onde radares não operavam direito, o "timer" parou de funcionar, e os Caçadores passaram a ser vistos normalmente pelo público até serem enviados de volta para o apartamento. Essa "mudança de regras" repentina foi a razão principal por Kei decidir ressuscitar Nishi, já que este já esteve no Gantz por um tempo muito maior e conhece mais coisas que o restante do grupo.
Teorias apresentadas na história pelo jornalista Kikuchi Seichi ligam a Esfera Negra com um Grupo Religioso alemão, que usam um objeto parecido como símbolo. É mostrado mais tarde que existem várias outras equipes iguais na América, Alemanha e Israel, bem como em outros países pelo mundo, todas elas querendo mostrar superioridade. De fato, os últimos capítulos de Gantz mostram um encontro da equipe do Gantz de Tóquio, e da equipe de Osaka.
De acordo com Nishi, Gantz é uma criação do homem, sendo construída por uma nação poderosa. Não se sabe qual o motivo de sua criação, mas está ligado a um contador na bola preta, que é acionado se o caçador tocar a bola e disser Katastrophe. Nishi diz que quando o contador zerar, tudo que a raça humana já construiu será destruído. Ele diz que uma bola preta foi vista sendo entregue a um apartamento no Brasil, oque indica que existem salas, como a de Tóquio, por todo o mundo.
Em uma viagem a Alemanha, Kikuchi vai a uma fábrica, onde várias bolas pretas estão sendo construídas.

REGRAS DO JOGO:
Ao entrar no mundo de Gantz, a missão do jogador é a sobrevivência. Primeiro ele tem que saber respeitar as regras, usando o equipamento oferecido para aumentar suas chances de sobrevivência. Recebe o perfil do Alienígena (ou qualquer coisa que Gantz quiser), tendo que matá-lo geralmente em uma hora. Inicialmente, Gantz mostra a forma mais fraca do Alienígena, com uma biografia: o nome, o que ele gosta e a sua frase principal. O jogador é teleportado para uma área com um raio de um quilômetro e começa a busca. Se eles saírem desse perímetro, a bomba em seus cérebros é ativada. Matar os alienígenas soma pontos, e sempre tem um Alienígena mais poderoso, chamado de Chefe, que dá mais pontos. Quem estiver vivo no final da batalha voltará inteiro para o quarto de Gantz, por pior que seja a sua condição, os ferimentos desaparecem e sua roupa especial é restaurada.
Gantz não fornece nenhuma das informações que seriam essenciais, sendo descobertas de duas formas: tentativa e erro, o que costuma ocasionar mortes, ou um caçador experiente explica para os outros as regras do jogo. Gantz pode fornecer dados, como o menu dos cem pontos, as pessoas mortas no Gantz e recentemente um contador que tempo em segundos que demonstra quanto tempo resta para a Katastrophe, atual arco da história.
Na sala do Gantz, a pessoa descobre que não pode contar o segredo desse quarto para ninguém, senão o explosivo na sua cabeça se ativará. Apesar disso, pode levar o equipamento; se ele for perdido não pode ser ganho de novo. Os jogadores têm que ficar atentos, já que Gantz pode chamá-los para mais uma noite de caçada, através de um ruído provocado talvez pelo dispositivo explosivo que eles possuem.
Ao se juntar 100 pontos, Gantz dá três opções para a pessoa:
-Se libertar de Gantz sem nenhuma memória
-Receber uma arma poderosa
-Trazer alguém de volta do banco de dados do Gantz
Caso o tempo dado na missão acabe antes dos caçadores eliminarem todos os aliens, eles perdem todos os pontos e ainda devem pagar uma punição por terem falhado, como Kurono, que teve de realizar certa pontuação por ter deixado o tempo acabar na missão anterior.
Desde a missão dos Oni, as regras começam a mudar. Tornam-se visíveis tanto os aliens quanto os caçadores para as pessoas. O contador desaparece, e à área em que os caçadores ficam começou a diminuir, como Reika e os outros notaram na missão do Nurarihyon. Na última missão, ela encerra-se de forma brusca, pois os caçadores começam a serem transportados antes de derrotarem os aliens. Ainda não se sabe o porquê dessas mudanças.

GRUPOS:

ALIENÍGENAS: Alguns dos Alienígenas aparecem ameaçando a vida das pessoas, mas normalmente são passivos até que os ataquem (ex: Alien Tanaka, Cebola e os do templo budista). Não se sabe de onde eles vêm, como eles chegam ao lugar, como Gantz os encontra ou mesmo porque eles devem ser eliminados, mas a missão é destruí-los. Caso os enviados de Gantz hesitem, o Alienígena não terá dó e tentará matá-lo. Aparecem geralmente numa forma mais fraca e menor de início, mas quase sempre aparece um líder, um ser bem mais forte. São mortais. Não podem ser vistos pelos olhos humanos (mas ficam visíveis a partir da missão dos aliens Oni), porém qualquer ação deles que danifique a área continuará lá, apesar de que as pessoas que não sabem de Gantz nunca irão desconfiar da verdade. Os alienígenas podem ter formas variadas, assim como seus poderes.

CAÇADORES: Os grupos recrutados pelo Gantz são chamados de Caçadores. Eles usam os uniformes e as armas para seu proveito. São apenas pessoas normais com itens especiais. Sua missão é derrotar os Alienígenas e/ou qualquer coisa que o Gantz mandar. Têm um limite de tempo imposto para terminar suas missões. Ao término dela, se ele ainda estiver vivo ele volta para o quarto de Gantz como se estivesse novo. Logo depois ele recebe pontos e comentários do Gantz, normalmente uma brincadeira com a pessoa (como apelidos). Se juntarem 100 pontos, eles podem escolher entre a liberdade, uma arma muito poderosa ou que uma pessoa seja revivida.

VAMPIROS: Os Vampiros são o grupo inimigo principal dos Caçadores. Os vampiros são um resultado de inúmeras nanomáquinas colocadas em um humano, dando a este super reflexo e super força. Eles também possuem uma inexplicável técnica de manipular a matéria de seus corpos, podendo produzir uma Katana, assim como criar Revólveres das mãos nuas. Eles só foram apresentados no final da missão do Alien caipira, provavelmente por causa do retorno de Izumi ao Gantz, mas parecem já estar lutando contra os Caçadores há muito tempo, já que demonstram um superior conhecimento em relação à existência Gantz, sabendo inclusive como incapacitar suas roupas especiais. Os Vampiros parecem com humanos normais, mas sofrem de uma doença chamada "Forma em asas de morcego", um eczema nas suas costas surge caso não consumam sangue humano. Conseguem ver o uniforme do Gantz (mesmo quando invisível, mas com mais dificuldade) usando lentes e máscaras especiais, e ainda conseguem se transformar em terríveis monstros com poderes ainda mais especiais. Aparenta ter cinco líderes. É um grupo próprio com muitos membros, chegando a ter uma boate. Foi descoberto que os vampiros são fracos contra radiação ultravioleta, para andar de dia, eles precisam de um caro remédio, então nenhum vampiro o utiliza. Durante eventos recentes, o quarteto dos supostos líderes foi dizimado, com apenas um tendo sobrevivido. Um dos novos vampiros é o irmão caçula de Kei Kurono, seu nome é Akira Kurono, e ele tenta ajudar seu irmão como pode, dando informações sobre seu inimigo. Mas aparentemente foi morto pelos próprios vampiros por esta razão. Durante o ataque dos vampiros contra o "líder dos Caçadores", eles entram num conflito contra alguns Caçadores também. No capítulo 237 é revelado que o suposto "líder vampiro" e uma parceira agarram os corpos de Reika e Suzuki no exato momento em que se iniciava o teleporte para o apartamento do Gantz, fazendo com que eles fossem também transferidos para lá, desta forma, também participando do jogo.

MISSÕES E OUTROS ACONTECIMENTOS:
MISSÃO DO ALIEN CEBOLA (NEGI-SEIJIN)
Participantes: Kurono, Katou, Kishimoto, Nishi, Cachorro e figurantes. Mortes: Todos os figurantes.

Descrição: Os caçadores são ordenados a caçar um alien pequeno e fraco. Nishi fala para todos que isso é um reality show. Após matarem o alien menor, aparece um maior e bem mais forte que aparenta ser o pai do menor, eliminando quase todos. Porém é enfraquecido por Kurono, mas Nishi aparece neste momento e o mata, levando os pontos.

MISSÃO DOS ALIENS PÁSSAROS (TANAKAS-SEIJINS)
Participantes: Kurono, Katou, Kishimoto, Nishi, Cachorro, Hojo, Sadako, quatro motoqueiros e Ryota e sua avó. Mortes: Nishi, três motoqueiros e Ryota e sua avó.

Descrição: Os caçadores são ordenados a destruir um alien parecido com um boneco. Kurono esquece sua roupa em casa, e tem que fazer a missão sem o traje de Gantz. Durante uma batalha em um rio, eles descobrem que o boneco era só uma carcaça, o alien era um pássaro dentro dela. Nishi morre nesta mesma batalha. Kurono é obrigado pelos motoqueiros a entrar em um galpão, onde encontra o chefe da missão. Kurono derrota o chefe após uma batalha no ar.
Após a missão, o motoqueiro sobrevivente pronuncia o nome "Gantz" na frente de motoqueiros de uma gangue oposta e morre.

MISSÃO DO TEMPLO BUDISTA
Participantes:
Kurono, Katou, Kishimoto, Hojo, Sadako, Sei e outros. Mortes: Todos, com exceção de Kurono.

Descrição: A missão consiste em derrotar diversos aliens disfarçados de estátuas. As duas primeiras aparentavam ter cinco metros de altura e eram relativamente poderosas. Chamadas de "Abarembo" e "Okorimbo" estavam na entrada do templo. Além de serem fortes, uma delas conseguia gerar uma rajada de vento capaz de mandar os caçadores para longe. Kurono matou uma atirando nas pernas, braços e então na cabeça e a outra foi morta por um dos caçadores, que usou o rifle para atingi-lo a distância. Surge logo após isso uma estátua muito maior do que as duas. As armas mostram-se incapazes de causarem ferimentos fatais em seu corpo. Por fim, Kurono a derrota usando um ferimento que causara na cabeça para entrar no corpo e lá causar ferimentos fatais. As pequenas estátuas que vieram a seguir usavam uma variedade de espadas e outras armas brancas, sendo mortas pelos caçadores. A mais poderosa de todas as estátuas, uma que representava Kannon, acabou por realizar um massacre no grupo. Os vários braços do alien seguravam espadas que cortavam os caçadores, um pagoda em miniatura emitia laser e possuía um jarro de ácido. Todas essas armas eram capazes de ferir os caçadores, independente de estarem ou não com o traje. Além dessas armas mortais, possuía capacidade regenerativa, através de um artefato que sempre brilhava quando o alien sofria algum ferimento. A estátua era somente uma concha, pois assim que Katou capturou a estatua com a Arma-Y, para escapar do envio, ela sai removendo a cabeça da estátua. Sua verdadeira forma é uma criatura com seis braços. Esta é a primeira vez que um alien pergunta a razão dos caçadores lhes atacarem, já que eles não machucavam ninguém. Eventualmente, Katou decapita o alien utilizando umas das espadas que ele possuía, mas com o custo de sua vida. Somente Kurono retorna ao quarto.

MATAR KURONO (SÓ NO ANIMÊ)
Participantes: Kurono e figurantes. Mortes: Todos, inclusive Gantz. A morte de Kurono fica em aberto, com o episódio encerrando no momento em que ele vai ser atingido pelo trem, porém, no mesmo momento o contador de Gantz zera.

Descrição: Após a árdua missão no templo budista e pela morte de seus amigos Kurono volta à sala do Gantz para enfrentar a mais das perigosas de suas missões. Após explicar aos novos participantes do “jogo” (a maioria não acredita nele), Kurono preparava-se para sua mais nova missão até receber a notícia: a missão é MATAR KURONO ALIEN. Kurono, então não acredita e diz aos outros da sala que isso era apenas um erro do Gantz, que prossegue com a missão. Então são enviados ao palco da missão: prédio central de Tókio.

MISSÃO DOS ALIENS BAIXINHOS (CHIBI-SEIJINS) (DESSA MISSÃO EM DIANTE, SÓ NO MANGÁ).
Participantes: Kurono

Descrição: Chamados originalmente de chibi (é como dizem baixinhos), são fortes, rápidos, e possuem poderes de telepatia, usando principalmente para intimidar e distrair o Kurono e conversar uns com os outros. Um grande diferencial desta missão é que Kurono foi enviado sozinho para realiza-lá. Não se sabe o motivo de Gantz ter enviado Kurono sozinho para realizar esta missão, sem convocar mais ninguém. Ele consegue matar quase todos os aliens com certa facilidade, saltando de um prédio para outro e atirando neles quando estivessem no ar perseguindo-o. No entanto, o último analisou a estratégia e chegou próximo de matá-lo, mas o tempo da missão se encerra e Kurono é transportado de volta para o quarto. Por não ter terminado a missão, Kurono perde todos os pontos.
Dias depois, o último alien vai atrás de Kurono para vingar-se de seus companheiros mortos, massacrando a classe todos da classe com exceção de Tae e Izumi. Felizmente Kurono trouxe o equipamento do Gantz e eventualmente derrota o alien.

MISSÃO DO ALIEN CAIPIRA (KAPPE-SEIJIN) (MISSÃO DOS DINOSSAUROS)
Participantes:
Kurono, Izumi, Sakata, Sakurai, Suzuki, Inaba, Reika, Kaze, Hoi-Hoi e figurantes. Mortes: Figurantes

Descrição: Após o massacre em Shinjuku, as pessoas mortas por Izumi são transportadas para a sala. Kurono é deixado inconsciente por Izumi, e acaba perdendo seu traje. Os inimigos são dinossauros. Gantz diz que se Kurono não conseguir 15 pontos, ele morrerá. Enquanto Izumi luta sozinho contra os inimigos, Kurono lidera o resto do grupo contra os dinossauros. Kurono, com a ajuda de Suzuki, consegue derrotar vários deles. O chefe, um dinossauro gigante com uma lâmina na cabeça, é derrotado por Kurono, com a ajuda de Suzuki e Izumi. Enquanto o teleporte está ocorrendo, os Vampiros aparecem matando vário dos sobreviventes da missão.

MISSÃO DOS ALIENS ANEL (YUBIWA-SEIJINS)
Participantes:
Kurono, Izumi, Sakata, Sakurai, Suzuki, Inaba, Reika, Kaze, Hoi-Hoi e figurantes. Mortes: um dos figurantes.

Descrição: O time é enviado para enfrentar cavaleiros gigantes montados em cavalos gigantes. No total havia oito aliens. O time se separa, e rapidamente os aliens são derrotados. Tae aparece no local da batalha e vira alvo de um dos aliens, mas é salva por Kurono. Porém, Tae acaba tirando uma foto de um dos caçadores.

MATAR TAE KOJIMA
Participantes:
Os mesmos da missão anterior. Mortes: outro dos figurantes.

Descrição: O grupo divide-se em duas equipes, os que estavam dispostos a perderem seus pontos para salvar Tae Kojima, formado pela equipe do Kurono, e os que estavam dispostos a matá-la, formado por Izumi, Inaba e figurantes. Apesar dos esforços do grupo, principalmente de Kurono e Reika, Tae é morta por Izumi. Kurono descobre após está missão que poderia reviver alguém do banco de memória se conseguisse 100 pontos. Com isto, Kurono adquire forças para continuar lutando, com o objetivo de trazer Tae, Katou e Kishimoto.

MISSÃO DOS ALIENS ONI (ONI-SEIJINS)
Participantes: Kurono, Izumi, Sakata, Sakurai, Suzuki, Inaba, Reika, Kaze, Takeshi, Hoi-Hoi e figurantes. Mortes: Sakurai e os figurantes

Descrição: Umas das mais importantes missões da história. Nelas os aliens Oni podiam ser vistos por pessoas comuns, e ainda demonstravam conhecimento da existência de Gantz e dos caçadores. Também é a partir deste ponto que os caçadores passariam a ser vistos pelas pessoas comuns. Os aliens Oni são capazes de assumir uma forma humana e na sua verdadeira forma ganham dentes afiados, tentáculos capazes de cortar humanos sem traje e são capazes de lançar ácido pela boca. Possui três subchefes e um chefe, todos baseados na mitologia japonesa sobre os Onis.
Oni do Fogo: Capaz de gerar chamas que envolviam os caçadores, impedindo-os de respirarem até que o traje fosse rompido, e nesse momento o caçador seria reduzindo a mero carvão. Luta contra Sakata e Sakurai, e este último consegue livra-se das chamas usando seus poderes, mas acaba por ser surpreendido pelo alien e tem seu traje destruído, acabando por ser morto pelo alien, mas não antes de causar pesados danos internos ao Oni. Sakata por fim derrota-o utilizando seus poderes.
Oni transmorfo: Capaz de assumir a forma de qualquer ser vivo, além de possuir resistência limitada a arma-X. Surge primeiramente para Inaba na forma da Reika, fazendo sexo com ele até a verdadeira chegar. No embate, Reika consegue libertar Inaba, mas o alien escapa e ao caçá-lo, ele toma a forma de Kurono. Ao se darem conta de que não é o verdadeiro Kurono, o alien mostra a sua verdadeira habilidade, entrando no corpo em uma forma minúscula para sair em forma maior (primeiro ele entra em um Caçador na forma de Takeshi e sai na forma de uma mosca bem grande. Logo em seguida, entra em outro Caçador na forma de mosca e sai na forma de um elefante). É derrotado com a chegada de Kurono, que, usando a espada, decapita o alien.
Oni de Rocha: Capaz de transfigurar seu corpo em pedra, ele utiliza essa habilidade para tentar derrotar Kaze, que salva Takeshi de ser morto pelo alien. Após uma batalha física que é fortemente notada pelas pessoas normais, Kaze acaba por "divertir-se" muito, pois finalmente pôde ter uma luta justa, e, enfim, derrota o alien.
Oni Elétrico: Sua forma verdadeira é a de um imenso demônio com uma velocidade estupenda e capaz de criar e manipular raios do céu. Após ver a morte de seus "irmãos", ele se irrita e resolve enfrentar os caçadores (pois estava evitando lutar). Seus poderes são grandes demais para os caçadores enfrentarem, e ele acaba derrotando quase todos os últimos sobreviventes, com exceção de Takeshi, que foi deixado em um lugar seguro, e de Inaba, que se acovardou. Izumi inicia a luta contra ele sozinho, mas se dá conta que não é capaz de enfrentá-lo. Tem seu traje destruído, e o alien então se aproxima para finalizar a luta quando Kurono e os outros surgem para salvar Izumi e derrotarem o alien. Nesse instante eles começam a serem vistos pelas pessoas. Após uma demonstração de seu poder, que acaba derrubando todo o grupo facilmente, eles então se sentem motivados ao verem Kurono continuar a lutar com o alien. Kaze inicia uma troca de golpes, conseguindo acertar um chute na perna do Oni e ainda quebra o seu braço. Quando tenta usar o seu golpe de assinatura o Oni, o alien se move e acerta um raio em Kaze, tirando uma perna e um braço. Kurono então incentiva o grupo, e volta a lutar com o Oni, e conseguem acertar golpes nele, apesar de sua velocidade, graças aos golpes que Kaze acertou. O Oni enfurece-se e acerta um golpe em Kurono, o arremessando para dentro de um prédio. Sobrando somente então Suzuki, Reika e Sakata, eles tentam derrotar o Oni. Suzuki consegue agarrar-se no alien, conseguindo temporariamente reduzir a velocidade do alien, até ser atingindo por um raio e ter seu traje incapacitado além de levar vários ferimentos. Sakata começa a provocar o alien, dizendo que ele estava ficando lento. Nisso o Oni o ataca, mas ele desvia de seus golpes até que ele pressiona os pontos do traje, também o deixando incapacitado, e aproveita para acertar um golpe em Sakata, perfurando o seu estômago. Sakata então aproveita a oportunidade, afetando a visão do alien, usando seus poderes, deixando com a visão embaçada. Só sobrando a Reika, seu traje começa a vazar, e aponta a arma para o Oni, mas hesita em atirar devido a seu medo. O Oni consegue agarra-lá, e prestes a matá-la, Kurono, que não tinha morrido, surpreende o Oni, fincando a espada no corpo do alien. Este solta a Reika, e começa uma luta na qual Kurono se mostra em vantagem, mas mesmo com a visão prejudicada, o Oni consegue acertar golpes em Kurono, mas este se aproveita para tirar a espada do corpo do Oni, deixando então ele perder sangue. Mas Kurono leva após isso um poderoso golpe que o joga contra um ônibus, e tem seu traje incapacitado. Aproximando-se para finalizar a luta, Izumi se posta a seu lado, e ambos então iniciam um ataque em equipe, em que ambos cortam o alien, finalizando a luta. Surpreendentemente, ninguém morre enfrentado o alien.

Resultados: Sakata obtém 105 pontos e escolher a opção número três, revivendo Sakurai. Reika consegue 102 pontos e também escolhe a número três, escolhendo reviver Tae Kojima, pois por amar o Kurono, deseja que ele seja feliz ao lado da pessoa que ele ama. Izumi consegue 126 pontos e escolhe a número dois, uma arma poderosa, reservando-a para a missão seguinte. Suzuki adquire 102 pontos e também por desejar a felicidade de Kurono, escolhe a número três, revivendo Katou. Kaze também escolhe a número três, pois desejava fica para lutar mais e também queria proteger Takeshi, pedindo que Kurono decida quem seja revivido, optando por Nishi, que por ter mais experiência, poderia explicar o que estava ocorrendo. Inaba faz 10 pontos. Takeshi e Hoi-Hoi não pontuam. Kurono faz 135 pontos e o grupo o incentiva a escolher a número 1, ser libertado do Gantz sem as memórias, o que ele escolhe. Sobre aplausos e elogios da equipe, Kurono deixa Gantz.

MISSÃO DO NURARIHYON (TAMBÉM CONHECIDA COMO “MISSÃO OSAKA”)
Participantes: Katou, Nishi, Sakata, Sakurai Inaba, Reika, Suzuki, Kaze, Takeshi, Hoi-Hoi, Hikawa, Chiaki e figurantes. Mortos: Sakata, vários membros da equipe de Osaka e figurantes.

Descrição: A missão se passa pela primeira vez fora de Tóquio, na província de Osaka. O grupo ainda abalado pela morte de Kurono, aceita relutantemente os vampiros, Hikawa e Chiaki, como "companheiros". Eles encontram-se com a equipe de Osaka, por pouco não iniciando um confronto com eles, pois ambos pensaram que a outra equipe eram aliens, mas graças a Reika, que foi reconhecida por um de seus fãs da equipe de Osaka, não ocorre a batalha.
Ao saberem que era a equipe de Tóquio, o grupo de Osaka manda que eles não se intrometam. O grupo de Osaka revela ter mais experiência que qualquer um dos membros de Tóquio, mas revela ser um bando de marginais. Alguns fumando maconha e injetando drogas no corpo, outros realizando execuções, torturas, tirando fotos dos aliens mortos, e até mesmo estuprando. Não possuem alguém que chamem de líder, não dando importância aos companheiros, agindo sem o menor trabalho de equipe. Muitos possuem excesso de confiança, já que boa parte da equipe completou pelo menos uma vez os 100 pontos, optando pela a opção número 2, uma arma poderosa. Oka Hachiro completou sete vezes, revela armas nunca antes vistas, como uma versão mais poderosa do traje (que tem certa semelhança com o Predador), uma versão da moto capaz de voar, uma espécie de mecha gigante, além de sem dúvida a arma-H.
Embora revelem serem fortes, a equipe de Osaka não demonstra se importar com os inocentes mortos pelos aliens. Katou diz que eles deveriam salvar as pessoas, mas Reika responde que eles se colocariam em risco ajudando os inocentes. Sakata então diz Katou para desistir de reviver Kurono, pois ter de obter 100 pontos para isso seria um ciclo vicioso. Isso deixa muitas dúvidas no grupo, questionando se deveriam ou não reviver Kurono. Katou ao vagar por Osaka, hesita em salvar as pessoas, mas por fim toma uma decisão, decidindo trazer de volta seu melhor amigo, Kei Kurono.
Os vampiros tentam enquanto isso saírem da área, mas por terem os explosivos na cabeça não podem deixar a área. São obrigados a lutar contra alguns aliens que os reconhecem como caçadores e ao tentarem conversarem com os aliens, descobrem que eles nunca ouvirão falar deles, o que significava que eles seriam considerados inimigos. Eles se aliam a dois dos aliens para matarem os caçadores, mas acabam sendo traídos por eles. Por fim Hikawa descobre que a única maneira de escapar é derrotando todos os aliens.
Descobre-se que Nurarihyon vale 100 pontos, e os seus ajudantes, um com aparência de um demônio alado e outro com a forma de um gigantesco cachorro humanóide, 68 e 72 respectivamente. Nurarihyon pode mudar de forma, conforme a situação, adaptando-se com a forma de outro alien e modificando seus poderes, além de possuir um poder regenerativo superior ao do chefe do aliens Buda.
A primeira forma usada para combater os caçadores era humanóide e possuía o poder irradiar raio de luz com imenso poder de destruição. Por onde passava, tudo era destruído. A segunda forma assemelhava-se a uma gigantesca mulher formada por várias mulheres. Capaz de absorver os caçadores para dentro de seu corpo, e lá matá-los. Katou utiliza todo o equipamento básico para derrotar esta forma, mas revela-se inútil. Quando o alien está prestes a matá-lo, Nishi utiliza a arma-H, que pegou de um dos caçadores de Osaka para destruir o alien. Nisto, ele toma mais forma.
Essa forma apresenta possuir fortes poderes de telecinesia, conseguindo desmembrar o braço de Nishi sem sequer tocar nele. Katou consegue fugir do alien levando Nishi consigo. A equipe de Tóquio, que após a discussão sobre reviver ou não o Kurono, ficou vagando por Osaka. Ao passarem por um ponto, o alarme aciona, mas que até a pouco tempo atrás os caçadores podiam ir até lá. Reika chega a conclusão que a área está diminuindo de tamanho. Quando vão voltar, o alien de 100 pontos os cerca.
Completamente cercados, não podendo recuar, com o risco de terem o explosivo nas cabeças acionados, o grupo pensa inicialmente em enfrentar o alien, mas decide fugir quando Suzuki perde os braços devido aos poderes do alien. Kaze consegue passar pelo alien junto com Takeshi ileso. Inaba também tenta, mas perde os braços e uma perna. Sakata então usa seus poderes para confrontar o alien, dando a oportunidade de fugir área Reika, Suzuki e Sakurai, com o custo de sua vida. Antes de morrer, ele manda Sakurai não ressuscitá-lo.
Fugindo, o grupo encontra-se com Oka, que assume a batalha contra o alien. Os poderes de telecinesia mostram-se inúteis contra o traje potente de Oka, conseguindo derrotar esta forma do alien. O alien tenta tomar mais uma forma, mas Oka acaba com ela quase que imediatamente. Mudando a estratégia, Nurarihyon assume uma forma semelhante ao traje de Oka e inicia um combate com ele. No começo empatados, Nurarihyon consegue pressionar Oka, e em uma cortina de fumaça liberada pelo traje de Oka, consegue decapitar aparentemente Oka, mas ele o surpreende pelas costas, pois na cortina de fumaça, ele saiu de seu traje e perfura o alien, abrindo um enorme corte no corpo do alien. O grupo, que se encontrou com Katou, se aproxima julgando ser o fim do alien, mas Oka diz que ele não morreria só com isso. Oka conclui que é arriscado demais manter o confronto com o alien, e apesar dos pedidos de Katou para finalizar a luta, abandona o combate.
Katou, então resolve finalizar o combate contra um Nurarihyon ferido, mas antes que possa tomar alguma atitude contra o alien, este realiza um ataque usando aparentemente sangue com balas, atingindo vários dos caçadores. O ataque acaba por desativa o traje de vários deles, inclusive o Katou, e ferindo o Takeshi, que perdeu o traje lutando contra um alien, para desespero de Kaze.
Kaze decidido a salvar Takeshi, inicia um confronto com o alien, agora recuperado. Inicialmente com medo, Kaze consegue destruir a cabeça do alien. Este então toma uma outra forma em que começa a sair membros de seu corpo, com braços e pernas, atingindo Kaze de surpresa, e nisso acaba por multiplicar-se, mas usando o seu golpe de assinatura, Kaze derrota vários deles de uma só vez, e o grupo resolve ajudar destruindo os outros Nurarihyon restantes. Acreditando que seria o fim do alien, este toma mais uma forma.
Kaze decidido a salvar Takeshi, começa a socar o alien, mas ao levar um único soco do alien, perde o traje. Nurarihyon, diz para Kaze esperar e então vai para outro lugar. Katou e o grupo se reúnem para pensar em uma estratégia, e lembrando-se que ele demorou a regenerar do golpe de Oka, chegam à conclusão que golpes que estejam fora da perspectiva dele podem derrotá-lo. Resolvem armar uma emboscada, mas seria necessária uma isca para que o alien viesse. Katou se oferece para ser a isca.
O grupo posiciona-se afastado, com o rifle-X para atingir o alien. Katou resolve pegar a arma-H que Nishi usou para destruir uma das formas do alien, mas ao próximo do local da emboscada ele larga a arma por achá-la muito pesada. No local da emboscada, Nurarihyon retorna com a cabeça de Oka, e prestes a matar Katou, ele pergunta por que eles têm de matá-lo. Nurarihyon responde dizendo que ele deveria pensar nisso como uma ação de Deus. Qualquer atitude contra isso era inútil. E nesse momento Nurarihyon tem o braço explodido.
Todos os caçadores posicionados começam a atirar contra o alien, e demonstra-se fazendo efeito. Nurarihyon realiza uns ataques em que vários raios, semelhantes ao do chefe da missão do alien Buda, embora consideravelmente mais potentes, causando uma enorme destruição. O alien não sabe onde estão os caçadores, por isso realiza um ataque desses. Durante esse ataque, ataca por matando Anzu Yamazaki (integrante da equipe de Osaka, que amava Katou). Katou perde as pernas e arasta-se para arma-H que ele deixou próximo. Nurarihyon percebe isso e prestes a matar o Katou, Hikawa o surpreende, cortando o seu corpo enfraquecido.
Apesar de estar ferido, o Nurarihyon ainda mantém uma luta contra Hikawa, que desvia de seus raios usando suas habilidades de vampiro. Graças a Hikawa, Katou obtém tempo necessário para atirar com arma-H, destruindo definitivamente o alien de 100 pontos. Após a morte de Nurarihyon, um sobrevivente novato da equipe de Osaka diz à Katou que seria como ele e faria 100 pontos para resussitar Yamazaki. Katou agradeçe, e nesse momento começa a transferência.

Obs.: Nurarihyon na mitologia oriental é o comandante supremo dos yokais, incluindo demônios e espíritos. Ele significa para os orientais à mesma coisa que Satã significa para os ocidentais.

Resultados: Reika, Inaba, Suzuki, Sakurai e Chiaki (chamada de Kill Bill pelo Gantz) não pontuam. Takeshi faz 26 pontos. Kaze consegue 35, Hoi-Hoi consegue 40 pontos, impressionando a todos. Hikawa faz 42 pontos. Nishi obtém 75 pontos. Katou adquire exatos 100 pontos. Perguntam se ele irá reviver o Kurono. Suzuki diz que está tudo bem se ele escolher ser livre. Katou escolhe a número 3, revivendo Kei Kurono.

MISSÃO DOS ALIENS NA ITÁLIA:
Participantes:
Kurono, Reika, Inaba, Suzuki, Katou, Sakurai, Kaze, Takeshi, Nishi, Hikawa, Chiaki, Hoi-Hoi e Caçadores do mundo inteiro. Mortes: Inaba, Suzuki, Hoi-Hoi e alguns Caçadores figurantes.

Descrição: Ao serem transportados para o quarto, os caçadores percebem algo de estranho ocorrendo com o Gantz. Como na missão dos aliens Chibi, não houve convocação de novos membros e as luzes estão apagadas. Inaba se desespera, tendo certeza de que morrerá nessa missão, julgando o que eles estavam passando como algo do diabo. Isso faz Kurono dar um discurso de que independente de ser algo desse tipo, eles sobreviveram porque se esforçaram para isso. Logo Gantz começa a tocar a sua música, mas como se estivesse com estática, e as frases que surgiram na tela eram impossíveis de ler. Todos são transportados para um país que eles percebem ser a Itália, onde já havia se iniciado o combate, com vários corpos de caçadores no chão, inclusive um traje de Gantz que Oka usava.
Um dos caçadores italianos moribundo diz em sua língua que eles morreriam como todos os outros. Inaba mais uma vez se desespera. O grupo parte então para onde vê aliens, querubins voando, e seguem encontrando vários caçadores lutando contra gigantescos anjos. Esses aliens possuem a capacidade de ferir os caçadores ignorando o fato de eles usarem o traje. Kurono manda o grupo recuar, e dois anjos vão atrás deles. Katou e Kurono sacam as espadas, mas os anjos as quebram com facilidade. Inaba enquanto tenta fugir é cercado pelos aliens.
Aceitando que irá morrer, Inaba se rende e não toma nenhuma atitude, nem mesmo quando um dos querubins arranca alguns dos seus dedos. Nesse instante chega Suzuki para salvá-lo, matando alguns dos aliens, e pede ajuda de Inaba, mas este ainda mantém encolhido. Suzuki tem então suas pernas e braços arrancados, e tem uma visão de sua esposa lhe abraçando.
Inaba, ainda com medo, lembra-se que Suzuki era o único que se preocupou com ele. Inaba reage e começar a matar os aliens, conseguindo isso, mas ganhando vários ferimentos, nisso um gigantesco alien se aproxima. Quantos aos outros, Kurono, com uma Arma-H, e Katou com a Arma-Y ficam lutando juntos contra os gigantescos aliens. Sakurai se encontra com um caçador de Hiroshima, que lhe ajuda, informando que os caçadores de todo o mundo vieram para essa missão. Sakurai pergunta o que ele sabe sobre a Catástrofe, mas este perde a cabeça e o braço. Sakurai continua então a fugir dos aliens. Takeshi e Kaze ficam evitando os aliens. Hikawa, com uma Arma-H, e Chiaki tentam manterem-se vivos. Reika usa a o rifle para atirar a distância. Katou e Kurono chegam onde está Inaba a tempo de verem o chefe matá-lo, o esmagando.
Kurono, ao ver os corpos de Suzuki e Inaba, se desespera e enfrenta o gigantesco anjo junto com o Katou. Os outros caçadores percebem algo de estranho acontecendo. De repente a transferência iniciou-se sem ter sido completada a missão. Katou começa a ser transportado, e Kurono se distrai ao ver isso, levando um ferimento mortal, tendo destruído parte do seu braço e rosto. No entanto consegue dar um último tiro no chefe, conseguindo derrotá-lo. A luta aparenta ter acabado em um empate com ambos mortos, mas Kurono é transportado de volta para o quarto, para alívio de seus companheiros.

Obs.: Esta missão possui os aliens vencedores do concurso realizado pelo Hiroya Oku, no qual os fãs enviavam aliens criados por eles para Oku avaliar.

Resultados: Sakurai, Hikawa, Chiaki, Kaze e Takeshi não pontuam, aparecendo "Finalizado" para todos eles. Katou faz por volta dos 60 pontos e mesmo assim aparece finalizado. O grupo se emociona, acreditando que acabou, mas lamenta a morte de Inaba e Suzuki. Nishi faz 102 pontos, e Kurono e os outros imploram para que ele reviva Suzuki, mas ele ignora e opta por uma arma mais poderosa. Reika faz 101 pontos, e iria reviver um outro Kurono, mas diante da tristeza de Kurono, escolhe reviver Suzuki, mas nesse instante Gantz entra em colapso, aparentemente desligando. Ele volta a funcionar, mostrando a pontuação de Kurono, por volta dos 90 pontos (não mostra exatamente o quanto), mas desligando quase que imediatamente. O grupo chora pela morte de Suzuki, e deixa o quarto. Reika volta para buscar algumas roupas que esqueceu e encontra o homem que ficava dentro da esfera observando a cidade pela janela. Ele diz que a pessoa que ela pediu para ressuscitar estar sendo carregada e pede para repetir o nome da pessoa. Reika começa a repetir o nome de Suzuki, mas então para e muda de idéia, saindo do Gantz uma luz que traz então outro Kurono.

REVELAÇÕES SOBRE GANTZ:
Kurono (clone): O segundo Kurono pergunta a Reika se os outros voltaram da missão e ela responde que sim, porém percebe o homem que havia dentro da esfera sair da sala e se assusta, perguntando a Reika o que houve, ao ver as roupas de Inaba e Suzuki, se conscientiza que eles morreram e ao olhar a Reika percebe que há algo errado e então percebe que ele é uma "cópia" e sai correndo do apartamento com Reika atrás o chamando para se justificar, mas ao chegar em sua casa se vê entrando em casa e dizendo que ligaria para a Tae. Aparentemente conformado com a situação, aceita ir à casa da Reika e ficar com ela, a mesma abandona o trabalho de modelo e diz que viverá para cuidar dele, no dia seguinte Kurono vai à escola normalmente e recebe uma mensagem no celular do Sakurai que informa que fez uma ressonância magnética na cabeça e que as bombas que eles tinham nos cérebros sumiram, acreditando assim que finalmente aquela agonia havia acabado. Ao chegar em casa, Kurono se depara com a sua cópia, acreditando se tratar de um alien, mas após uma explicação rápida, Kurono 2 conta tudo que a Reika fez e como isso afeta a vida deles, porém o Kurono diz em tom de inveja que ele (Kurono 2) está vivendo com a Reika e que ele viverá com a Tae que eles poderiam viver assim e fazê-las felizes. Kurono 2 retorna a casa de Reika e resolve viver com ela, contrariado inicialmente, até o momento da "Katastrophe".

KIKUCHI E A REVELAÇÃO SOBRE GANTZ:
Kikuchi que havia viajado para a Alemanha para investigar sobre Gantz e que fotografou uma fábrica com várias esferas negras, envia um e-mail para Kurono com a foto da fábrica em anexo, porém Kurono não reconhece Kikuchi e o responde questionando quem ele é e que ele sabe muito sobre a esfera, nesse momento Kikuchi recebe um telefonema a qual o surpreende, ele iria conhecer e entrevistar o dono da fábrica. Kikuchi a mansão do Sr. Heinz Bernstein dono do grupo Maier Bachern, grupo esse proprietária da fábrica onde são feitas as esferas. Na mansão Kikuchi é guiado por Sebastian (seu contato na Alemanha) e apresentado a um senhor de óculos o Sr. Heinz Bernstein em pessoa, o qual estaria disposto a lhe conceder uma entrevista a respeito das esferas negras e dos misteriosos acontecimentos no mundo todo. Revela-se que, em um visita que Kikuchi faz à mansão do presidente da empresa que fabrica as esferas, que são realizadas apostas, cujo os apostadores eram pessoas ilustres, alguns até da realeza, e explica que as esferas provém de uma sequência numérica da filha do presidente da empresa. Ela sofre de problemas mentais desde três anos de idade, e passou a falar esses números, que o seu pai acreditou que era uma maneira dela se comunicar com ele. Ele chamou profissionais para descobrir o código dessa sequência, e ao descobrir, ele seguiu tudo o que ela dizia. Graças a isso, ele pode salvar sua empresa da falência, e torná-la dez vezes maior. Seguindo o que sua filha dizia através desses números, ele construiu esferas e as espalhou ao redor do mundo, tudo conforme dizia a sua filha. Ele sabe dos eventos das caçadas, e revela a ele tudo isso, pois ele sabe que ninguém acreditaria em qualquer coisa que ele publicasse. No seu quarto do hotel, Kikuchi tenta refletir sobres tudo que acabara de descobrir quando repara algo estranho. Ele percebe a presença de alguém, pega uma pistola e persegue essa pessoa até que ela para, revelando ser Sebastian, o intérprete que ele conheceu através de um fórum na internet sobre a esfera negra. Ele pergunta a Sebastian o que ele quer, que questiona se tem algo o incomodando quanto a tudo que descobriu. Sebastian então começa a lançar teorias como a filha do Sr. Heinz Bernstein ser uma espécie de rádio, falando mensagens vindas de algum lugar, ou que poderia ser a ideia da "Realidade simulada", como o filme Matrix. Kikuchi nota então que ele estava falando japonês perfeitamente. Sebastian então ri, e repete a pergunta que Nurarihyon fez a Katou quanto à existência de Deus e a sua forma. Então ele aponta para uma senhora e faz uma contagem regressiva, que ao chegar a zero, acaba aparentemente matando a senhora. Kikuchi se surpreende ao ver isso, perguntando como ele fez isso, e Sebastian faz novamente, dessa vez causando um acidente de carro. Kikuchi pergunta o que ele é, mas Sebastian ignora e repete a fala de desespero do Inaba, sobre as tragédias que ocorrem no mundo e por começar a acreditar que o mundo não passava do parque de diversões do demônio, e a fala de Kurono, questionando o valor da vida humana. Durante isso ele mata mais duas pessoas ao seu redor, e aponta para céu. Kikuchi percebe o que vai ocorrer e aponta a pistola para Sebastian, dizendo para ele parar, mas um avião cai atingindo um prédio. Quando Kikuchi olha de novo para Sebastian, este começa a ser transferido.

KATASTROPHE:

Página 1

1º dia: Kurono olha para o céu e o vê ficar vermelho, como muitas outras pessoas, que se assustam. Kurono veste o traje e coloca a arma-H na mochila. Quando a Tae pergunta o que ele tem, ele responde ser uma coleção de mangás de Dragon Ball. Seu pensamento era que não importa o que acontecesse, ele protegeria a Tae. Ao chega à escola ele vê muitos estudantes olhando para céu, e alguns estudantes ao redor de Kurono começam a provocá-lo. Katou está em sua sala de aula, sentando sozinho em sua mesa enquanto todos os outros estudantes estão vendo pela janela o céu vermelho. Sakurai liga de sua escola para Tonkotsu (sua namorada), pedindo pra ficar ao seu lado. Kurono 2 e Reika estão na sacada do apartamento dela vendo o céu vermelho, e Kurono 2 fala que não vai desistir, e Reika lhe diz que está com ele. Nishi está em um parque observando o céu, segurando suas duas armas-H, dizendo coisas como "manda ver”, "morram com os outros lixos". Em uma base da marinha americana, decolam alguns caças, que avistam surgir do meio das nuvens um objeto voador que parece relacionado ao Gantz. Imediatamente, Nova York, os caças e a base naval são destruídas. Kurono vê nas salas dos professores através da TV uma imagem em que mostra o surgimento de uma explosão atômica surgir no meio da cidade de Nova York. Assim inicia-se a última fase da história. Katou encontra Nishi em Shinjuku, e este compara a população com gado, dizendo que não se importa com a morte destes. Repentinamente, começam a cair do céu diversas naves, que ao atingirem o solo se tornam enormes robôs munidos de bazucas, que começam a destruir tudo. Surgem também robôs menores que atiravam enormes lâminas giratórias e também pequenas naves que levavam as pessoas para uma nave gigantesca, bem maiores que os primeiros robôs. Reika foi pega em uma dessas naves (na verdade SALTOU dentro dela) mas antes que fosse levada à nave-mãe, conseguiu abrir as portas, salvando também as outras pessoas que foram pegas na mesma nave. Kurono foi com a Tae e alguns alunos ao terraço e começou a atirar nos robôs "menores" (porque mesmo sendo menores ainda eram gigantes. Ah, tô ficando confuso!! @.@) e descobriu que eram apenas armaduras que protegiam aliens que pareciam seres humanos (só pareciam!). Kurono salvou também seu professor quando estava prestes a ser esmagado por um desses aliens. Também salvou Tae de ser atingida por um raio que o outro alien lançou. Esse último ele deixou ir, mas por causa disso o alien enviou uma imagem dele para um outro alien que comandava uma nave de combate. Depois de salvar boa parte da população, todos a equipe foram idolatrados e aplaudidos. Kurono 2 e Reika resolveram ir investigar o quarto quando foram cercados pelos aliens de armadura. Quando Kurono 2 estava prestes a morrer, outras equipes surgiram e salvaram-no. Os aliens foram rendidos, mas quando todos pensaram que eles não representavam mais ameaça, começaram a disparar raios contra os caçadores. Alguns morreram, e os outros não tiveram escolha senão finalizá-los. Eles se identificam, levando a perceber que eram todos da região de Kanto. Enquanto isso, Kurono era seguido por alunos da mesma escola, quando os corpos começavam a surgir. Ao cair da noite, as criaturas retornavam à base. As pessoas também começaram a retornar às suas casas. Kurono e seus colegas se hospedaram em um hotel vazio. Alguns alunos também foram buscar comida em uma loja de conveniência. Outros esperavam algum apoio das forças armadas e outros apenas relaxavam. Durante a noite, Kurono acora com as pessoas o chamando. Os aliens haviam voltado à ativa. Quando Kurono foi ver o que estava acontecendo, repentinamente começou a transferência. Kurono e os outros caçadores foram parar em um tipo de praça, onde se reencontraram. Alguns caçadores que estavam junto a algumas Esferas Negras começaram a dar instruções. Quando alguns outros começaram a se opôr a eles, um deles disse que controlavam as Esferas e que todos sabiam o que ele queria dizer com isso. Quando os caçadores começaram a confrontá-los, os que se oporam a eles tiveram suas cabeças detonadas. E o resto foi enviado para um ataque-surpresa no território inimigo. Enquanto isso, os colegas de Kurono eram executados e Tae se perguntava se ele estava morto. Dentro da base inimiga, os aliens os identificam e começam a atacá-los com chutes. Mesmo após Katou implorar para que não atirassem, os Caçadores atiram. Um a um, os aliens vão sendo mortos. Katou, Kurono e Sakurai conversam sobre a última missão ser uma guerra contra uma civilização inteira. Logo em seguida soldados alienígenas chegam onde o grupo está, então uma nova luta se inicia. Enquanto isso, Tae abandona o prédio onde ela, Kurono e os outros alunos estavam. Enquanto Kurono lutava com os soldados, três soldados maiores e claramente mais poderosos se juntam à batalha. Um deles era o alien que havia recebido a imagem do Kurono. Um dos Caçadores recebe os braços do traje de 100 pontos e continua a lutar. Durante a luta, Sakurai se distrai e perde o braço direito. Os aliens recém-chegados dizimam boa parte do grupo com apenas alguns golpes, então iniciam uma luta com o Caçador dos braços do traje de 100 pontos, que consegue decapitar um deles. O terceiro alien permanece encarando Kurono, então finalmente faz o primeiro movimento. Kurono tenta atingí-lo com a Arma-H, mas ele se esquiva com facilidade de todos os tiros. Katou e Kaze tentam atacá-lo, mas falham. Reika aparece para ajudar Sakurai. Kurono 2 se junta a Kurono, deixando o alien confuso ao ver dois do seu alvo. A transferência começa, então o grupo volta para a praça de onde haviam saído, com um alien refém. Sakurai consegue seu braço de volta e o grupo é liberado para irem onde quiserem até serem chamados novamente, então são transferidos para lugares aleatórios. Kurono é transferido para Roppongi, Katou é transferido para Makuhari e Kurono 2 e Reika são transferidos juntos para outro lugar. Tae caminha sem rumo enquanto Kuronoprocura por ela. Kurono chega ao apartamento, mas só encontra seu professor seriamente ferido, que diz que todos haviam se separado e ido embora. Tae chega até um lugar no qual estava uma pilha de humanos mortos. Lá ela encontra sua mãe, que diz que se fingirem de mortos era a única maneira de sobreviver (irônico, né?) e que seu pai havia morrido. Não muio depois, um pequeno grupo de aliens se aproxima e atira nos humanos que se fingiam de mortos. A mãe de Tae é atingida, então ela e alguns sobreviventes fogem, mas acabam presos em uma das naves que levavam os humanos para a nave-mãe. É quando Kurono enfim chega, mas tarde demais para conseguir tirá-la da nave.

2º dia: "É chegada uma nova manhã", mas não é "uma manhã de esperança". Kurono ainda seguia a nave que havia pego Tae. Sakurai encontra Tonkotsu (sua namorada), mas infelizmente ela já estava morta. Kurono consegue subir na nave, mas antes que ele conseguisse libertar Tae, a nave faz uma curva repentina e ele cai. Dentro da nave-mãe, Tae e os outros são levados a uma sala na qual eles recebem um jato de um tipo de desinfetante e têm suas roupas dissolvidas (a partir daí tem muita nudez, tanto masculina quanto feminina. Titio Hiroya Oku é um pervertido). Eles, então, são obrigados a ir para uma sala cheia daquele mesmo desinfetante, mas não em jatos, e sim em piscinas. Um homem suspeito se aproxima de Tae, mas logo se afasta. Logo em seguida as piscinas começaram a ficarem cada vez mais cheias. Logo algumas pessoas não conseguiam que seus pés tocassem o fundo. Uma forte correnteza começou a puxá-los para uma outra sala, na qual haviam humanos pendurados pelos pés, todos com um furo no peito e na cabeça. Aquela sala era um tipo de abatedouro. Kurono conseguiu se infiltrar na nave entrando em uma das naves. Tae, prestes a sofrer o mesmo destino que os outros, é salva pelo homem que havia se aproximado dela antes. Seguindo um plano que ele criou (ir até o início do "rio", saltar na água, subir em outra lateral e continuar repetindo o mesmo processo) eles chegam em uma abertura que leva a um túnel. Outras pessoas seguem o exemplo deles e também conseguem chegar lá. Eles escalam a parede (através de um símbolo que me lembra um pouco o da Umbrella Corporation) e chegam no túnel. Kurono também passa pelo processo de limpeza, mas seu traje e a Arma-H permanecem intactos. Tae pergunta ao homem por que ele a salvou, que diz ser um Lolicon (pros que não sabem o que significa, a resposta está no "Grande Oráculo": http://pt.wikipedia.org/wiki/Lolicon). O grupo chega em uma área do túnel cheia de insetos. Kurono chega até o "abatedouro" e imagina se Tae está morta. Outros insetos maiores (quase do tamanho dos humanos) surgem ao longo do túnel. Um deles pula sobre Tae e este quase a estupra (sim, também achei estranho!), porém o Lolicon a salva novamente e corre com ela. Os insetos gigantes saltam sobre os outros do grupo e são picados por eles, mas eles conseguem escapar. Um homem explica para Kurono que Tae sobreviveu e que havia saído com um grupo. Tae e os outros encontram uma saída e descobrem que o túnel, na verdade, se tratava de um esgoto. Eles são cercados pelos alienígenas e fogem, chegando a uma espécie de lanchonete, descobrindo o que eles abatem e armazenam humanos porque os comem. Kurono destroça os insetos e segue em busca de Tae. As pessoas que foram picadas começam a inchar, então um tipo de policial alienígena aparece e lança arpões em todos com exceção de Tae, pois fora salva novamente pelo Lolicon (afinal essa é a única utilidade dela no mangá inteiro), que se liberta e foge com ela. Kurono chega à superfície. Tae e o Lolicon se escondem em um beco, onde ele revela o real motivo dele salvá-la: sua filha havia morrido no dia anterior e Tae é muito parecida com ela. Uma criança alien surge e leva Tae embora, que fica gritando por Kurono. Ele a ouve e vai atrás dela. Quando Kurono está prestes a encontrá-la, a criança alien tampa a boca dela com o dedo, impedindo-a de continuar chamando Kurono, que não a encontra (isso me lembra o que aconteceu em Shibuya, quando Kurono procurava por ela, mas um passou direto pelo outro). Ele reencontra o grupo que foi com ele, mas este começa a ser atacado por três aliens (possivelmente adolescentes se divertindo matando eles). Kurono, usando a Katana, dá um jeito neles. Mais soldados aliens surgem, obrigando-os a fugir por uma escadaria. Durante a fuga um homem diz que viu Tae ser levada por uma menina alien, mas quando vai dizer em que direção ela foi é morto pelos soldados. Kurono revida com a Arma-H, então os sobreviventes entram em um prédio contendo várias espécies de aliens (aparentemente um Zoológico), encontrando vários humanos em uma das exibições. Eles imploram para Kurono libertá-los, porém ele vê lá dentro Harada Natsuki (antiga paixão) e Ikegami Ryou (valentão que batia nele) (mais sobre eles no capítulo 282 do volume 27), o que faz ele se afastar. Quando todos perdem as esperanças de ir embora, Kurono volta e arrebenta o vidro com a Arma-X. Todos fogem, porém Ryou não parece gostar muito do fato de ter sido salvo pelo Kurono. Tae é levada pela menina alien até um tipo de apartamento, onde é colocada em um "aquário" onde haviam outros animais alienígenas e um garoto humano, Nakagawa Jun (só mais um idiota que gostou da Tae e quis fazer sexo com ela. Esses caras tem um mal-gosto de dar dó). Enquanto Kurono e os outros fugiam, uma soldado alien (de bigodinho e cicatriz no rosto) os ataca e mata vários deles. Quando Natsuki e Ryou estão prestes a serem mortos Kurono os salva. O alien tenta matar Kurono, mas este se esquiva e arranca metade da cabeça dele com a Katana (mas a cicatriz fica intacta XD). Não muito tempo depois, em outro local, Kurono salta sobre o ombro de uma mulher alien e a faz de refém, ameaçando-a com a Katana. Ela, então, ativa um tradutor e começa a falar japonês. Fora da nave-mãe, Sakurai carrega o corpo de Tonkotsu, jurando vingá-la. Katou, Kurono 2, Reika, Kaze e Takeshi se reencontram e vão para o quarto do Gantz. Kurono diz para a alien refém os levar até a saída. Sakurai encontra um pelotão de soldados aliens (que estavam almoçando humanos). Eles o atacam com raios, mas este cria um campo de força (exatamente, um CAMPO DE FORÇA) e se defende e começa a matá-los um por um. Jun tenta fazer sexo com Tae à força, mas sua "dona" os separa e aparentemente dá uma bronca nele. No quarto do Gantz, Nishi surge, perguntando o que eles estão fazendo ali. Eles pedem que Nishi faça Gantz voltar a funcionar, e nesse exato instante Gantz sai de dentro da esfera, dizendo que fará tudo que estiver ao alcance dele (Gantz é um cara bacana afinal de contas). Kurono 2 pede que eles não possam ser transferidos por outras esferas e que ele tire as bombas das cabeças deles. Sakurai acaba com todos os soldados aliens, mas sofre sérios danos internos com isso. Gantz retira as bombas das cabeças dos membros da equipe e os escaneia em seguida. Nishi explica que "sem os Estados Unidos e a China, aqueles que derrotarem os gigantes irão dominar a Terra". Uma voz desconhecida começa a falar com Sakurai (Tonkotsu? Mestre Sakata? Quem sabe). Kurono 2 pede para que Gantz se conecte com as outras equipes do Japão, então pede para que eles o ajudem a salvar as pessoas que foram presas dentro da nave-mãe. Nishi diz que ninguém faria isso, quando Reika substitui Kurono 2 no pedido de ajuda. Se juntam à equipe Takeda Hyoma (de Kanagawa), Ryuji (de Hiroshima), Mary McLean (localidade desconhecida, mas certeza de que não é estrangeira XD), Sekine Makoto (de Tóquio), Yoshikawa Kaiji (de Gunma), Toshio Yazawa (de Hokkaido), o nerd de Osaka e, por fim, Anzu Yamasaki (revivida pelo nerd (vou chamá-lo de Megane-kun, que nem a Yamasaki)). Kurono tenta fazer sua refém roubar um uniforme militar, mas ela desliga o tradutor e fala com um soldado, que chama reforço, porém todos foram facilmente mortos por Kurono, que obrigou a refém a usar um dos uniformes. Ela conta a história de sua raça: o planeta deles foi destruído anos atrás, então eles formaram uma colônia de imigrantes espaciais, na qual ela nasceu e cresceu. Ela também explica que a Terra também era observada por imigrantes de vários outros planetas e que eles deviam ter chegado lá antes deles, o que faz Kurono entender a verdade por trás de Gantz. Jun passa mal (provavelmente por causa da comida) e diz que Tae deve fugir. Kurono diz que agora eles têm o controle sobre Gantz, podendo revivê-los e curá-los sempre que quisessem, mas Kaiji diz que isso não é mais possível. Nishi manda Gantz reviver qualquer pessoa para confirmarem isso, mas Gantz não consegue. Agora apenas transferências e transmissões eram possíveis, mais nada. A refém de Kurono avisa que toda a colônia está atrás dele pois ele havia matado Oltra, o irmão caçula de Eeva Gund, um dos heróis nacionais deles, o que havia recebido a imagem do Kurono e atacado especificamente ele na primeira investida das equipes. Ela também explica que os dados do DNA dele estavam registrados, então os soldados sempre saberiam onde ele está (acho que os soldados do jogo Half-Life também usam esse artifício. Não importa onde você vá, sempre tem dúzias deles te esperando. Pra quem não conhece, visitem novamente o Grande Oráculo: http://pt.wikipedia.org/wiki/Half-Life). Gantz conecta Kurono 2 com a equipe de Nova York, porém Kurono não sabe falar inglês, então Makoto fala no lugar dele. Eles descobrem que a equipe americana encontrou uma fraqueza na nave-mãe que estava lá. Os americanos enviam um mapa marcando onde os humanos estavam sendo presos, o que revolta Nishi, pois ele queria saber qual era o ponto fraco da nave-mãe. Tae consegue escapar do "aquário", porém é pega pela mãe da menina alien. Gantz transfere a equipe para o lugar onde Kurono e Tae estiveram quando entraram na nave-mãe, o abatedouro. A equipe os tira da correnteza um por um e destroem a máquina que abate os humanos usando a Arma-H. A mãe da menina alien quase devora Tae, mas desiste, coloca ela na mesa e fica um pouco pensativa. Tae tenta fugir mas não consegue. Nishi acredita que todos os que foram salvar os humanos já estão mortos, mas Takeshi acredita que Kaze vai voltar (e chama ele de papai. Aaaawn! :3), mas Nishi tenta tirar as esperanças dele, que o atinge com o golpe de costas característico do Kaze. Natsuki pergunta para Kurono se pode ir com ele, mas ele recusa dizendo que não quer nada para atrapalhá-lo enquanto ele procura por Tae. Os outros começam a reclamar com Kurono porque ele iria deixá-los, mas uma garota grita para que eles ajam como os adultos que são e parem de depender apenas dele. A mãe da menina alien ameaça jogar Tae pela janela, mas desiste, então sai e a deixa deitada em uma moita. Tae aproveita a oportunidade que a mãe alien deu e foge. A internet e a televisão voltam a funcionar (mas só o canal 9! RedeTV! vai sobreviver à Katastrophe, hein? XD), mostrando que uma aliança foi formada entre os humanos e os aliens, onde um humano e um alien se cumprimentam, mas também colocam imagens dos membros do Gantz matando aliens e os classificam como "terroristas". Após a equipe salvar o terceiro grupo de humanos capturados, soldados surgem, trazendo um monstro gigante de duas cabeças com eles. Mais uma luta se inicia, agora contra o monstro e os soldados ao mesmo tempo. Tae (que era perseguida por crianças aliens) é salva por soldados humanos. No abatedouro/campo de batalha, alguns humanos são mortos, mas eles conseguem vencer. Nenhum da equipe se fere. Os humanos começam a entrar nas naves que levam à nave-mãe por conta própria, com a intenção de ver como é por dentro. Sakurai também entra em uma delas (e vê uns Otakus cantando a abertura de One Piece. Eu ri dessa parte). Lá dentro, Sakurai mata os responsáveis por lançar jatos de desinfetante nos humanos sem ninguém desconfiar que foi ele, então segue pelo caminho por onde Tae, Kurono e os outros saíram. Na superfície, ele se prepara para matar os aliens, mas encontra uma alien idosa e uma alien criança, que são tão gentis com ele que o deixam confuso, então ele corre chorando e se lembrando de Tonkotsu. A voz volta a falar com ele, tentando fazê-lo desistir, mas ele a manda calar a boca. Os soldados levam Tae até um pequeno grupo de humanos (onde ela era a única sem roupas, então recebe um casaco para se cobrir). O celular de Nishi volta a funcionar, então eles descobrem que agora são "terroristas" e estão sendo odiados por aqueles que tentam proteger. Na praça onde Sakurai está, ele usa seus poderes com uma potência extrema, matando todos os aliens que estavam lá. Ele se sente aliviado, mas quando vê a velha e a criança de antes mortas, volta a chorar, arrependido. Nishi pede a ajuda dos americanos, que enviam um relatório sobre a nave-mãe:

"Dentro da espaçonave gigante existe uma área de um tamanho igual ao da América do Norte. Eles possuem a tecnologia para comprimir o espaço. Nós identificamos a localização da usina de compressão. E há uma possibilidade de lançar um ataque devastador na nave se destruirmos a usina."

Gantz avisa para Nishi que seu sistema está sendo hackeado, então criaturas alienígenas são transferidas para o Quarto ("Seu único lugar seguro, não é mais tão seguro."). Eles atacam Nishi e Takeshi, que estão sozinhos no quarto. Nishi revida, mas as transferências não param. Os invasores mostram sua habilidade: autodestruição. Um deles pega Takeshi e se autodestrói segurando-o, fazendo com que seu traje seja desativado. Nishi continua o contra-ataque, mas são muitos corpos para pouco espaço. A equipe que está dentro da nave-mãe ainda espera pela transferência, mas ela não recomeça, deixando muitos humanos presos lá dentro. No Quarto, vários invasores se autodestroem, o que faz tudo ir pelos ares. Mas, no último instante, Nishi escapa, salvando Takeshi também. A transferência recomeça, mas eles não vão para o quarto, e sim para uma estranha estrutura abandonada. Nishi, ao ver o Quarto destruído, corre procurando por Gantz. Mas o encontra morto. A refém de Kurono, por algum motivo, decide ajudá-lo por conta própria, então o leva ao apartamento dela para começarem a procurar por Tae. O grupo de humanos ao qual Tae se juntou encontra um celular, no qual alguém falava a localização de um lugar com 50 sobreviventes, além de água e comida. Ao chegarem lá, encontram um homem que pede para eles o seguirem, mas não se aproxima deles. Ao se aproximarem, descobre que não se trata de um homem, mas sim de um tipo de boneco-humanoide (um dos soldados atira nele e ele cai sangrando). Um dos humanos é atingido por um gancho e puxado. Um grupo de aliens estavam caçando eles (3 adultos e 2 crianças. Seria um programa de férias em família? O.o), então eles não viram outra saída senão fugir. Todos foram capturados, sem exceções (sim, a Tae FINALMENTE foi pega junto). No grupo de Kurono 2, duas crianças encontram um animal alien bem estranho (um tipo de pássaro com espinhos e sem cabeça). Lá eles encontram um grupo de robôs-humanoides e um alien muito maior que os que eles haviam enfrentado até agora. Para a sorte deles, o gigante gigante (vou chamá-lo assim, porque para os gigantes ele é um gigante XD) vai embora, então eles não precisam lutar contra ele. Anzu e Megane-kun dizem para os humanos voltarem para onde estavam, mas perceberam que no teto de lá haviam plantas e insetos gigantes, que saltam sobre os humanos mas não os atacam. A ex-refém e agora aliada de Kurono escaneia sua mente para adquirir uma imagem de Tae para poderem encontrá-la. Mas quando ela faz isso, uma velha alien aparece (chamando a alien de Fra, então vou começar a chamá-la assim também). Enquanto isso, Tae estava nas mão dos aliens. Eles aliens arrancam a cabeça dos outros e quando estão prestes a decapitar Tae ela começa a chorar, tirando a vontade do alien de matá-la, que a liberta. O alien que entrou apareceu onde Kurono e Fra estavam se tratava da mãe dela (e não faz nada de importante), que logo vai embora. Como a área onde Tae estava se tratava de uma zona onde as famílias costumam caçar, Fra acredita que ela pode estar morta, mas ele não desiste e resolve ir atrás dela. Insetos aliens gigantes cercam Anzu, Megane-kun e os humanos, mas por enquanto não atacam, só observam. Kurono 2 e os outros encontram alguns Caçadores sobreviventes, que dizem não haver escapatória. Atrás deles havia um tanque gigante cheio de corpos de humanos comuns, soldados e Caçadores. Logo os insetos começam a atacar os humanos. Um homem começa a revidar e a matar todos, porém um inseto forte o mata, sendo morto por Anzu. Os Caçadores explicam que foram para lá com o mesmo objetivo de salvar os humanos e para isso reuniram os mais fortes Caçadores, porém foram dizimados. As duas crianças que encontraram o alien estranho surgem carregando-o e seguidas por outros aliens insetos, desesperando os outros Caçadores. O pequeno alien explode, fazendo diversas bolhas de luz flutuarem por ali. O mesmo aconteceu onde Anzu, Megane-kun e os humanos estavam. Uma das bolhas tocou em um homem, então ela subiu pra cabeça dele e se multiplicou. Logo clones dele começaram a surgir de dentro dele, mas sem se separar. O mesmo aconteceu Makoto da equipe de Kurono 2 que, embora tenha implorado para não o matarem, Kurono 2 o faz. Uma imagem de Kurono é exposta na TV sendo taxado como terrorista, sendo vista por seus familiares. Após Kurono 2 e sua equipe derrotarem os aliens sem nenhum deles ser atingido pelas bolhas, novos aliens aparecem, e aparentam serem mais fortes. A equipe logo descobre que eles são tão fortes que podem destroçar os Caçadores com apenas um ataque e que eles são imunes às armas (inclusive à Arma-H), então Kurono 2 descobre que pode ferí-los usando a Katana. Logo os Caçadores descobrem que o ponto fraco deles é a nuca e começam a mirar seus ataques lá (com exceção de Kaze que, como sempre, resolveu quebrar eles na porrada e, não muito depois, outros resolvem fazer o mesmo). O triunfo dos Caçadores deixa os aliens que assistiam no telão estáticos. Kurono e Fra (FINALMENTE ELES VOLTARAM!!), que estavam em um tipo de trem aéreo, seguem em busca de Tae. Fra pergunta se Kurono pretende aniquilá-los depois de tudo. Kurono hesita um pouco, mas no fim Fra não o deixa responder. Pouco depois Kurono (FINALMENTE!!) encontra Tae próxima a uma multidão de aliens. Kurono agradece Fra e vai até Tae, que percebe sua presença. Nishi e Takeshi entram em uma casa para que Nishi pudesse usar o computador para rastrear "eles". A luta de Kurono 2 e os aliens se torna mais difícil a medida que novos aliens (mais fortes) surgem (Megane-kun perdeu um pé ;-;). Quando Anzu está desistindo de tudo, Katou a salva. Tae e Kurono, depois de muito tempo separados, se abraçam enquanto as lágrimas escorrem. Megane-kun, caído no chão, nota um alienígena pendurado no teto, dizendo "Se aquela coisa se jogar todos nós estaremos condenados, sem dúvida". A cada minuto que passa, os Caçadores se mostram cada vez mais eficientes na luta contas os aliens, derrotando muitos mais. Tae e Kurono resolvem voltar para a superfície. Quando Tae começa a falar das pessoas que a ajudaram ("Tinha o lolicon, quero dizer, o velhinho..."), Kurono começa a ser transeferido, desesperando Tae. Quando ele abre os olhos, se vê dentro de um Mecha (similar ao do Oka Hachirou) e recebe instruções para destruir uma torre, que foi definida como "sua última missão". Nishi, com raiva por não poder participar, ficou observando tudo pelo computador, maravilhado. Mas quem disse que essa missão seria fácil? Dezenas, talvez centenas de naves alienígenas surgem para proteger a torre (será que o Saruman está lá? XP). Kurono, potencializado pela vontade de sobreviver, começa o contra-ataque. [continua]

EQUIPAMENTOS:

Para poder derrotar os Alienígenas, Gantz dá para seus Caçadores equipamentos especiais. Os já vistos até agora são:

Traje Gantz: Sem dúvida o item mais útil. É uma roupa negra com sensores especiais, posta no corpo da pessoa, em contato direto com a pele. Ela parece mais uma fantasia do que uma roupa de proteção. Ela cobre os braços, as pernas, deixando apenas a cabeça de fora, mesmo assim ela ainda é protegida. Assim que o Caçador quiser, ele pode usar a sua roupa para aumentar sua força, velocidade e resistência, fazendo a roupa ganhar "músculos". Se a roupa sofrer muitos machucados, começa a vazar um líquido dos sensores. A partir desse momento ela deixa de proteger a pessoa. Se alguma parte do corpo da pessoa for arrancado, a roupa sai no lugar, deixando essa parte desprotegida. Cada caçador tem apenas uma roupa e essa não pode ser utilizada por outras pessoas. Apesar de algumas vezes ter sido incapacitada, todo traje que volta ao quarto de Gantz é regenerada. Há uma versão mais potente do traje que é liberada após algumas trocas de 100 pontos, vestida por Oka Hachirou, de Osaka.
Traje convencional:

Traje do Oka:

Controlador: Ele tem duas funções. A primeira é localizar os alienígenas, com um mapa mostrando a localização exata deles, porém às vezes não é muito confiável. A outra utilidade dele é mudar a frequência do Caçador. Com a frequência mudada, ele pode ficar visível para as pessoas normais e invisíveis para os outros Caçadores, ficar invisível para todos, ou ainda ficar visível apenas para os Caçadores. Existe um item usado pelos Vampiros que podem ver diferentes frequências.
Moto Gantz: É um veículo rápido que possui seu próprio estoque de armas. Depois de o Gantz apresentar os aliens e as armas, um dos quartos do apartamento é aberto. Foi usada pela primeira vez na missão do Alien Kappe e pelo que parece cada sala de Gantz tem um, pois o time de Osaka também tem uma (cap. 242). Há uma versão capaz de voar, pilotada por Oka Hachirou.
Moto convencional:
Moto do Oka:

ARMAS:
Usadas para derrotar os Alienígenas; existem vários tipos:

Arma-X: A arma principal e a mais utilizada. Seu tamanho é pequeno. Atira nanoexplosivos no inimigo, que explodem depois de algum tempo. Antes de atirar, é necessário mirar com um botão e logo depois atirar com o segundo botão. Por causa dessa demora na hora de mirar e pelo atraso da explosão, que só acontece segundos depois, essa arma não é a mais confiável.



Rifle-X: Usada para tiros de longa-distância. Ela é longa e tem uma mira superior. Também possui atraso de tiro.

Arma-Y: Não é uma arma letal. Sua função principal é prender o alvo. Depois de mirar o oponente, atira três projeteis ligados por um tipo de corda, o alvo depois de preso é transportado por Gantz, mas não se sabe para onde.

Katana: Uma Katana negra. Quando o usuário quiser, ela se estica para cobrir uma área maior, também é capaz de retrair-se até o cabo, para facilitar o transporte. É a arma favorita de Izumi, um dos Caçadores mais capacitados. Era mantida num quarto secreto (o mesmo onde se encontrava a Moto), mas depois passa a ser utilizada por outros membros, como Kei Kurono durante a missão dos Aliens Oni.


Arma-H: Uma arma pouco conhecida que só é liberada quando o caçador obtiver 100 pontos, essa arma aumenta a gravidade ao redor do alvo, o esmagando rapidamente. Seu estrago é consideravelmente maior que o da Arma X, reduzindo o oponente á tripas.


Mecha: um robô gigante possivelmente liberado após completar 100 pontos algumas vezes. O único mostrado até agora pertencia a Oka Hachirou, que ele utilizou na luta contra um alien gigante.



PERSONAGENS:
Kei Kurono:
Kei é um adolescente revoltado, nervoso e egoísta. Odeia todos os seres humanos pelo o que ele sofreu com a sua família. Prefere ficar quieto, odiando se envolver com as pessoas. Entra no quarto de Gantz depois de morrer com seu amigo, Katou Masaru, salvando um bêbado do trilho do metrô. No começo é egoísta e individualista, geralmente acabando como um herói relutante, mas a morte de Katou na terceira missão, que tentou salvá-lo, e o início de sua relação com Tae Kojima o faz mudar de atitude, começando a pensar nas outras pessoas. Sua imensa técnica (somente igualada por Izumi)e sua postura como líder da equipe o fazem dele um herói para a maior parte dos outros caçadores. Durante as missões, frequentemente ele usa táticas pouco convencionais, mas de grande efeito. Após reviver alguns membros do grupo, Kurono, que havia conseguido 135 pontos, deixa Gantz a pedido de seus companheiros. No entanto começa a recuperar algumas memórias "apagadas" de sua vida anterior. Os vampiros o procuram e eventualmente o encontram, conseguido matá-lo após uma luta que acabou na quase total aniquilação do grupo dos vampiros, restando somente Hikawa e Chiaki. Katou, durante a segunda fase, dedica-se a tentar trazer Kei Kurono de volta. Após a missão do alien Nurarihyon, Katou, que conseguiu derrotá-lo, reviver Kurono, que volta com as lembranças até o momento em que escolheu a sair do Gantz. No capítulo 281 ele se reencontra com a Tae. No capítulo 282, onde se mostra a repercussão dos eventos de Gantz no mundo, ele revê Natsu Harada, uma antiga paixão de infância, e seu namorado Ryou Ikegami, de quem ele sofria bullying na infância, para mostra ao Kurono sua superioridade, o que deixa Kurono enfurecido, a ponto de quase lhe dar um soco fortalecido pela roupa. Mas após a provocação de Ryou, ele se acalma e vai embora. Na mais recente missão, Kei luta contra o chefe enfurecido pela morte de Suzuki. No entanto, ocorre a transferência, sem a missão ter sido completada, mas por alguma razão somente Kei não é transferido. Ele perde o braço esquerdo e parte da cabeça em plena luta contra o chefe, sem seus companheiros para ajudá-lo, mas consegue derrotá-lo. Consegue sobreviver à missão, sendo transportado de volta. Lamenta a morte de Inaba e Suzuki, e diante de sua tristeza, Reika pede para reviver Suzuki, mas Gantz tem um colapso. Kurono chora pela perda deles. Fica surpreso ao ver outro Kurono na frente de sua casa, mas após a explicação, ele entende o que houve com o 2º Kurono, demonstrando certa inveja dele, mas ao lhe propor para trocarem de lugar, ele recusa dizendo que estava com a Tae. Por fim diz que enquanto ele faria a Tae feliz, o outro Kurono poderia fazer a Reika feliz. Aparentam terem se dando bem. Fica aliviado ao ler a mensagem de Sakurai, dizendo que o explosivo desapareceu, acreditando que acabou.

Kei Kurono 2: Este é o Kurono criado pela Reika, possuindo todas as memórias do Kei Kurono original até ao fim da missão da Itália. Ao descobrir que foi revivido pela Reika, indigna-se, questionando no que ela estava pensando. Ela diz que ela cuidaria dele, mas ele então retruca que o problema não era esse. Ele diz que ainda ama a Tae, e deixa o quarto, apesar de Reika tentar detê-lo. Chega a sua casa a tempo de ver o outro Kurono subindo as escadas, murmurando que iria ligar para a Tae, sem perceber que o segundo Kurono o olhava. Este então murmura "Adeus Tae.", e caminha chorando, encontrando-se com a Reika. Passa a viver então com ela, mas ainda não consegue perdoá-la por ter feito o que fez com ele. Passa em sua casa, e se encontra com o outro Kurono, explicando a situação, tentando ver se poderia de alguma forma fica no seu lugar, mas o "original" recusa a ideia, mas propõe que enquanto ele (o "original") fazia a Tae feliz, ele poderia fazer a Reika feliz. Aparentam terem, apesar da surpresa, se dado bem um com o outro. No apartamento da Reika, ao ouvir que ela saiu do trabalho, ele perdoa a Reika, aceitando então o seu amor.

Katou Masaru: Katou é um garoto decidido, nobre, cuidadoso e amigável. Sempre pensa no bem-estar dos outros. Luta com quem tiver que lutar pelos outros, caso a pessoa não possa se defender, o que muitas vezes só faz as pessoas o odiarem. Tem um irmão mais novo, e o sonho dos dois é morar junto num apartamento. Entrou no quarto de Gantz junto com Kei depois de ser atropelado por um trem. Katou se espelha no Kurono Kei, pela coragem e habilidade que Kurono mostrava quando era garoto. Acaba morrendo na missão dos Aliens Budistas, mas é ressuscitado por Yoshikazu, a pedido de Kei Kurono. Com a suposta morte de Kei pelos vampiros, Katou torna-se o foco da história na "segunda fase" do mangá, prometendo ressuscitar Kei. Consegue derrotar Nurarihyon, que vale 100 pontos, e usa seus pontos para reviver Kurono.

Kei Kishimoto: Foi trazida à sala após ter se suicidado enquanto tomava banho. Gosta de Katou, só que Kei gosta dela. Infelizmente, Katou não parece corresponder a esse sentimento. Entrou no quarto de Gantz ao tentar se matar no banheiro cortando os pulsos. Infelizmente, Gantz errou: o corpo verdadeiro dela foi salvo, e foi enviada para o quarto de Gantz uma segunda Kei. Morre na missão dos aliens budistas após salvar Katou.

Cachorro: Não faz nada nas missões, só vai passear por aí, tem uma "conexão" com a Kishimoto, no animê ele é morto por uma estátua budista, e no mangá ele só desaparece.

Nishi Joichirou: Um garoto egoísta de 14 anos que odeia dividir seus conhecimentos. Entrou no mundo de Gantz depois de um suicídio. Sabe mais sobre o mundo de Gantz do que aparenta, pois foi parar no apartamento quando tinha aproximadamente 11 anos. Por alguma razão não explicada mantinha um site que contava tudo sobre Gantz, nesse site ele só citou o nome do Kurono (que por isso foi encontrado por Izumi e pelo repórter) e ele nunca morreu por violar a regra de nunca contar nada. Nishi fazia parte do antigo grupo de Izumi Shion. Nishi morre na missão do Alien Suzuki, mas é ressuscitado por Kaze Daizaemon, a pedido de Kurono, para obter informações. Participa da batalha contra o alien de 100 pontos, chegando até a destruir uma de suas formas, mas perde o braço e fica fora de combate. Revelou-se em capítulos recentes que Nishi era vítima de bullying na escola (no anime deixa claro que Nishi se suicidou, provavelmente por causa disso), e em um momento, seus colegas o arremessam pela janela do terceiro andar, mas ele sobrevive por estar usando o traje. Nishi se vinga matando todos eles exceto uma garota que gostava dele e não havia participado do bullying. Nishi enfrenta os soldados que entram para resgatar os reféns e mata alguns deles, mas a proteção acaba e, prestes a ser morto, é enviado para o quarto.

Masanobu Hojo: Um rapaz colegial que trabalhava como modelo, mas seu chefe era homossexual, logo Masanobu se demitiu do trabalho. Veio ao Gantz porque morreu em um acidente de moto juntamente com Sadako, uma garota que o perseguia. Ele era chamado de "Homo" por Gantz. Morre na missão dos aliens Buda beijando a Sadako.

Sadako Suzumura: Uma garota tímida e estranha que foi mandada a Gantz junto com Masanobu Hojo. Sempre ficava escondida e calada, tanto nas missões como no quarto do Gantz, é extremamente parecida com a Samara do filme “O Chamado”.

Sei Sakuraoka: Bela mulher que após fazer sexo com Kurono (Kishimoto os flagra "em ação" em uma das salas anexas Gantz) morre tentando salvar Kurono para que ele aceite sair com ela. Esta personagem tem mais relevância no anime que no mangá. Ela também sabe Kick Boxing e sua frase preferida é "não existe labirinto sem saída", é extremamente parecida com a Lara Croft de Tomb Rider.

Izumi Shion: Um garoto psicótico que se dá bem em tudo o que faz: esportes, namoros, estudos, lutas. Participou do mundo de Gantz (como líder do grupo no qual participava Nishi também), mas por alguma razão, saiu dele. Encontrou Kei através do site do Nishi, e percebeu que poderia voltar para o único lugar onde ele era feliz: matando Alienígenas. Foi escolhido por Gantz para selecionar as pessoas mais fortes do Japão para fazer um novo time. Aceita sua missão fazendo um grande massacre em Shinjuku e morre nas mãos de Kurono. Ele foi a primeira pessoa do time a usar uma Katana especial que esteve escondida num dos quartos do apartamento de Gantz, e é como um rival de Kei. É atacado por vampiros perto de seu apartamento, matando vários deles. Mas é morto por Hikawa, enquanto protegia sua namorada.

Tae Kojima: Uma garota tímida, que sempre gostou de Kei. Se espantou ao ver que ele a chamou para sair. Namoraram, mas sempre percebeu que ele escondia algo. Se apaixonaram profundamente, porém ela é morta por Izumi em umas das missões de Gantz (ela era o alvo). Mais tarde é ressuscitada por Reika, que conseguiu 102 pontos.

Suzuki Yoshikazu: Conhecido como "Velho", é uma boa pessoa. Se afeiçoa rapidamente a Kei pela idade dele, igual a de seu neto, tão querido. Vê Kei como o salvador, o líder nato, com uma força que faz dele o mais forte da equipe. Sendo encorajado pela força de Kei, consegue um ótimo desempenho ao longo das missões, conseguindo 100 pontos, usa-os para ressuscitar Masaru Katou, que tinha sido morto na missão dos Aliens Budistas, a pedido de Kurono. Parece ter sido a pessoas que mais sentiu a dor pela morte de Kurono. Morre na missão na Itália, tentando salvar Inaba.

Sakata Kenzō: Foi a pessoa que ensinou a Sakurai como utilizar seus poderes psíquicos. Quem ensinou a ele os poderes até agora é um mistério. Ele foi morto no mesmo ataque de Izumi no bairro de Shinjuku. Gantz sempre o apelida de idiota e novato. Seus poderes estão reduzidos porque ele utilizou bastante, e depois de ir ao médico, descobriu que pode morrer se continuar usando, pois o poder machuca seus órgãos internos. Na última missão, ele morre enquanto paralisava Nurarihyon com seus poderes psíquicos para que Sakurai, Reika e o velho conseguissem fugir, e disse que não queria ser revivido.

Sakurai Hiroto: Sakurai era molestado no colégio onde estudava. Tentou suicídio, mas desistiu. Conheceu Sakata pela internet. Com ele aprendeu a usar seus poderes psíquicos, e logo em seguida matou aqueles que o molestavam. Acabou se arrependendo depois. Morreu no ataque de Izumi no bairro de Shinjuku, em Tóquio, e entrou no quarto de Gantz. Decide salvar as pessoas para se redimir de seus atos. Os poderes psíquicos causam dano nos órgãos vitais dos inimigos, porém o usuário também se machuca, mas não na mesma intensidade. Foi morto em missão por um Alien Oni, mas é mais tarde ressuscitado por Sakata.

Reika Shimohira: Uma popstar, atuando como modelo, cantora e atriz, aparecendo em qualquer outdoor do Japão. Foi morta no ataque de Izumi, e entrou no quarto de Gantz. Se espantou com as decisões de Kei, a força dele, vendo se esforçar para proteger os mais fracos, e o escolheu como líder, desenvolvendo uma paixão. A partir da quinta missão, Reika demonstra habilidades surpreendentes enfrentando os inimigos alienígenas, capaz de atingir 102 pontos após a missão contra os Aliens Oni. Ela então usa seus pontos para ressuscitar Kojima Tae, morta por Izumi numa missão. Após a saída de Kurono, ela é eleita a nova líder do grupo. Na missão do Nurarihyon também fica em dúvida sobre reviver Kurono, pois ele poderia não corresponder os seus sentimentos. Após Kurono ter sido revivido, ela declara seu amor por Kurono, mas ele a rejeita por causa da Tae. Ela pergunta se caso ele tivesse a conhecido antes da Tae ele a amaria, o que ele responde que sim. Entristecida, ela decide acumular 100 pontos e reviver "outro" Kurono para ela. Ela consegue fazer um outro Kurono, dizendo para ele que ele é uma cópia, e tenta justificar-se dizendo que não podia desistir dele. Este Kurono fica indignado, perguntando como iria viver, e embora ela diga que cuidaria dele, ele então grita dizendo que o problema não era esse, e sim por ter brincado com a vida dele daquela forma, sem levar em consideração o fato dele ainda amar a Tae. Após isso, o 2º Kurono passa a morar com ela. Apesar de ela tentar se aproximar dele, ele ainda não consegue perdoá-la. Quando diz a ele que se demitiu de sua carreira, ele então resolve perdoá-la (em parte graças a conversa com o Kurono "original"), e por fim começam a namorar.

Kaze Daizaemon: Alto e musculoso é o que o define melhor. Ele veio do interior para Tóquio em busca de uma boa briga, procurando sempre os mais fortes. Sempre defende os mais fracos. Ao tentar lutar contra Izumi no massacre de Shinjuku para impedi-lo, acaba morrendo, e acabou indo para o quarto de Gantz. Encontrou o pequeno Takeshi, se afeiçoando rapidamente a ele e defendendo-o bravamente durante a missão dos Aliens Oni. Terminada a missão, ele com seus pontos, ressuscita Nishi a pedido de Kei, que busca respostas sobre o Gantz. Mais tarde ele decide cuidar do garoto. Embora possa parecer frio, revela ao lado de Takeshi um lado doce.

Inaba Kouki: Uma pessoa normal, que acaba morrendo no massacre de Shinjuku. Por trás de um ar de aparente tranquilidade, mostra-se um grande covarde em momentos críticos. Ele não se dá tão bem com o grupo, recusando participar das sessões de treinamento realizadas por Kei com o restante do grupo (exceto Izumi e Hoi-Hoi), pois não o vê como um líder. É muito covarde na hora da luta, mas sempre tenta fazer pose para não ficar atrás de Kurono. Durante a missão "Tae Kojima", ele se opõe aos colegas de Kei, auxiliando Izumi em sua tarefa de eliminar a namorada de Kei. Porém após a missão dos Aliens Oni, ele entendeu que só sobreviverá se seguir a liderança de Kurono Kei. Demonstra ter uma queda pela Reika, declarando-se para ela, mas acaba sendo rejeitado por ela ainda amar o Kurono. Durante a missão na Itália, Inaba se desespera, tendo certeza de que vai morrer. Ao ser cercado por aliens, aceita que vai morrer e deixa um dos aliens decepar alguns de seus dedos, mas Suzuki chega tentando salvá-lo, dizendo para ele lutar, mas este não toma nenhuma atitude, deixando Suzuki ser desmembrado. Percebendo que Suzuki poderia morrer por culpa dele, que foi o único que sempre se importou com ele, Inaba toma a atitude de matar todos os aliens, conseguindo, mas saindo muito ferido. Morre pisoteado aparentemente pelo chefe, na frente de Kurono e Katou.

Takeshi: Um garoto pequeno. Seu pai morreu e ele foi morar com a sua mãe. Ela não se importava com ele, e o namorado dela o odiava profundamente. Ele passava fome, sede, e sempre que virava um incômodo, quase sempre, apanhava do namorado de sua mãe. Num desses espancamentos foi morto enquanto pensava no seu ídolo, Muscle Rider. Então ele entrou no quarto do Gantz e conheceu Kaze Daizaemon, muito parecido com Muscle Rider, e decidiu morar com ele. Na missão em Osaka, ele conseguiu matar muitos aliens sozinho.

Hoi-Hoi: Um animal que foi morto (no zoológico) e acabou indo para o Gantz. Este panda foi o segundo animal a aparecer no Gantz (o primeiro foi um cachorro, que no mangá apenas desaparece, enquanto no animê é morto em uma missão). Não se sabe ainda o porquê, mas o panda acabou gostando de Izumi e acabou se tornando o seu parceiro de luta (apesar de não fazer nada) e foi o primeiro parceiro que Izumi aceita no Gantz. Sempre que pode tenta agarrar Izumi. De alguma forma, fez 40 pontos na missão do Nurarihyon. Desaparece depois

Akira Kurono: Ele é o irmão mais novo de Kei. Até agora, muito pouco se sabe sobre este personagem, só que pertence aos "vampiros" e que sempre foi melhor que o seu irmão em tudo, ou melhor, foi a principal razão de seus pais deixarem de se preocuparem com Kei, por isso Kei o odeia. Morre após trair os vampiros, tentando contribuir para que Kei consiga vencê-los.

Hikawa: Vampiro membro da agora extinta banda Saitou, a sua força e agilidade com a Katana são insuperáveis, vencendo poderosos personagens na história como Akira, Izumi e Kei Kurono (embora tenha tido vantagem nesse lutando contra esse dois últimos), conheceu Izumi no passado. Agora você pode vê-lo com uma "companheira" (Chiaki), formando uma dupla Mortal, agora são membros da equipe de Tóquio por terem se agarrado a Reika e ao Suzuki durante o tele-transporte. É apelidado por Gantz de Host Samurai. Enfrenta Nurarihyon, aparentemente para ganhar tempo, e Katou poder puxar o gatilho da Arma H.

Chiaki: Originalmente foi levada junto com umas amigas para o Bar "Fight Club" dos Vampiros. Logo é "ganhada" numa luta por Hikawa que derrotou Akira, e convertida em Vampira por ele. Seu comportamento é quase tão frio como o de Hikawa, dando lhe assim um novo ar fresco e toques de color ao novo samurai. Oku Hiroya declarou que este personagem foi inspirado em "Go Go Yubari" do filme Kill Bill, interpretada pela atriz Chiaki Kuriama. Perdeu um braço lutando contra aliens durante a missão Osaka, mas sobrevive e volta para sala.

6 comentários:

  1. Olha Matheus eu tb tenho um blog, na verdade tá mais pra um site simplisinho de GANTZ, tem resumo das missões e imagens tb se quizer pode se servir delas, parabéns pelo Blog!

    ResponderExcluir
  2. axei no orkut... Bom o blog... Mas falta imagenss... abrass

    ResponderExcluir
  3. Como vc teve paciência pra escrever tudo isso?
    Parabéns pelo blog!
    http://planetadosvideos.blog.com/

    ResponderExcluir
  4. Gostei do review bem detalhado de Gantz parabéns.

    ResponderExcluir
  5. I tend not to create a lot of comments, but i did a few searching and wound up
    here "GANTZ". And I actually do have a couple of questions
    for you if you do not mind. Is it simply me or does it appear like a few of these responses appear like
    they are written by brain dead visitors? :
    -P And, if you are posting at additional places, I would like to follow anything
    new you have to post. Would you list of every one of your communal sites like your Facebook page, twitter feed, or
    linkedin profile?
    Also visit my page : black friday 2012 deals

    ResponderExcluir
  6. This design is steller! You most certainly know how
    to keep a reader amused. Between your wit and your videos, I was almost moved
    to start my own blog (well, almost...HaHa!) Wonderful
    job. I really loved what you had to say, and
    more than that, how you presented it. Too cool!


    Feel free to visit my web-site; Dragon City Cheat Engine

    ResponderExcluir